O Ambiente na História (4)

Esta rúbrica pretende relatar factos, noticias e curiosidades de outros tempos, relacionados com o ambiente no concelho de Guimarães.

flores

No “Livro de actas” da Camara de Guimarães, em 1942, falava-se de amor às plantas, em tempo de guerra, de certas exposições a ocorrer. Acha-se belo o texto que começa assim:

«Uma circular do Excelentíssimo Senhor Governador Civil deste Distrito, com o numero vinte e três, de Primeira Repartição, a transcrever o texto do ofício numero cinquenta e um da Direcção dos Serviços Centrais da Camara Municipal de Lisboa, em que lhe comunica que vai realizar-se a Terceira Exposição Nacional de Floricultura na Tapada da Ajuda, dentro do programada Semana da Campanha da produção Agricola de acôrdo com os Ministérios da Economia e das obras Publicas, obra espiritual e útil neste momento revôlto em que só ruinas, maus intentos e distribuição se nota no devolvimento do amor às plantas e às flores, pelo que muito interessante seria que os Corpos Administradores que possuam Parques ou jardins, mandassem os seus jardineiros à Exposição, para verem o que de novo se vai apresentar em técnica de jardinagem,» (…) «, se fizesse uma larga distribuição de plantas e flores, embora baratas, pelos Chefes das famílias pobres acompanhadas de palestras sobre o amor às plantas, às flores e à sua utilidade».

in, “Livro de actas” da Camara de Guimarães, fl. 49 a 50.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s