Regulamento Acesso Centro Histórico – II

Em fevereiro passado escrevi um post neste blogue sobre o Regulamento de Acesso ao Centro Histórico, onde relatei a minha desilusão para com todos os partidos politicos que aprovaram um regulamento que não serve os propósitos que todos eles reclamam.

Dizem que temos que dar “um passo de cada vez“. E eu digo que esse, é o argumento recorrente de quem não tem coragem para desagradar, mesmo sendo caso disso.

Mas a  filosofia do “um passo de cada vez“, não foi só seguida nas restrições impostas no regulamento, a falta de coragem está bem patente na demora e desorientação na sua aplicação. Ora vejam lá.

16 fevereiro – aprovado em reunião de câmara
27 fevereiro – discutido e aprovado em assembleia municipal
21 março – entrou em vigor
14 maio – sinalização das restrições junto aos CTT e Café Milenário, e colocação de barreiras na Rua da Rainha.

Porque é que só dois meses após a entrada em vigor do regulamento é colocada a sinalização que lhe confere eficácia legal no terreno?

Os sinais colocados nos CTT e Milenário não estão corretos. Falta a indicação de que a zona também é de estacionamento e paragem proibidos. Será que foi só incompetência? Será que vão fazer plantação de sinais? Terá sido “esquecimento”? Uma coisa é certa, enquanto não houver sinalização, a Policia Municipal não vai ter a “dor de cabeça” de fiscalizar (desagradar) estacionamentos na zona.

Apesar da sinalização, o acesso à zona intramuros tem-se processado como se nada tivesse mudado. À exceção da Rua da Rainha, onde colocaram pilaretes, os carros circulam como dantes com a indiferença da Policia Municipal. Alguns agentes, por mim interpelados,  afirmam não ter tido qualquer formação sobre o regulamento, que aliás desconhecem como ficou bem patente nas respostas às minhas observações.

Como é possivel, que dois mêses após a entrada em vigor de um regulamento, ao agentes responsáveis pela sua fiscalização o desconheçam?

Quando é que vamos ter sinalização e fiscalização adequada para fazer cumprir o Regulamento de Acesso à Zona Intramuros do Centro Histórico de Guimarães? Ou terá sido só para “inglês ver”?

Porque será que nem classe politica, nem comunicação social se insurgem com estas questões de mobilidade? Será indiferença? Será dos “brandos costumes”? Será porque não é futebol? Será porque não dá votos?

José Cunha

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s