Newsletter Maio 2011

ESPECIAL MOBILIDADE
 
SUMÁRIO
MOBILIDADE SUSTENTÁVEL POR CÁ

  1. Conferência sobre mobilidade e transportes públicos encheu Fórum FNAC Guimarães
  2. Massa Crítica Guimarães: AVE e Projecto Lucus associaram-se à edição de Abril
  3. Projecto Eco-Escola: Secundária Martins Sarmento realizou percurso urbano de bicicleta
  4. Aveiro vai ligar concelho com 107 quilómetros de ciclovias
  5. Almada: miniautocarro eléctrico e ponte ciclável conquistam prémio da Semana Europeia da Mobilidade
  6. Menos Um Carro: movimento a favor de uma mobilidade mais sustentável
  7. MUBi – Associação pela Mobilidade Urbana em Bicicleta
  8. Europeus sonham com título de transporte único
  9. CE quer fim carros a gasóleo e gasolina nas cidades até 2050
  10. SolaRoad Project: ciclovia na Holanda vai gerar energia solar
  11. Sismo no Japão: bicicletas triplicam vendas e esgotam nas lojas
  12. Mobilidade para além do automóvel: Ciclando

1. Conferência sobre mobilidade sustentável encheu Fórum FNAC
No passado dia 8 de Abril, a AVE realizou no Fórum FNAC Guimarães a conferência “Mobilidade Sustentável e Transportes Públicos em Guimarães: o que temos? O que queremos?” Foram intervenientes António Pérez Babo, engenheiro especialista em transportes e mobilidade, Maria Manuel Oliveira, arquitecta projectista da remodelação do Toural e da Alameda, e Manuel Oliveira, presidente da comissão executiva da ARRIVA, empresa que gere os Transportes Urbanos de Guimarães. O debate foi moderado por João Sarmento, geógrafo e professor na Universidade do Minho. Cerca de meia centena de participantes esteve presente nesta iniciativa, debatendo aspectos vitais da funcionalidade de um serviço de transportes públicos que responda de forma sustentável às necessidades de mobilidade da população vimaranense.
Uma súmula dos aspectos abordados pelos conferencistas encontra-se no documento disponível neste link
2. Massa Crítica Guimarães: AVE e Projecto Lucus associaram-se à edição de Abril
A Massa Crítica, um movimento global a favor de cidades mais cicláveis, celebrou em 29 de Abril a sua 8.ª edição em Guimarães. Esteve presente uma dezena e meia de utilizadores de bicicleta, sem receio da chuva, empenhados em abrir caminho à utilização deste meio de transporte em deslocações quotidianas. Além da AVE, esta edição teve apoio do Projecto Lucus, um projecto de experimentação social desenvolvido pela Desincoop, que integra a iniciativa “Bicicleta Inclusiva”, cujo objectivo é erar fontes de rendimento para pessoas desfavorecidas através da reutilização de bicicletas usadas.
A próxima Massa Crítica será realizada no dia 27 de Maio, pelas 18:30, com início no Largo da Oliveira.  Mais info AQUI.

3. Projecto Eco-Escola: Secundária Martins Sarmento realizou percurso urbano de bicicleta
A Escola Secundária Martins Sarmento realizou no passado dia 5 de Maio uma acção ambiental de carácter pedagógico, no âmbito do Projecto Eco-Escola, percorrendo as ruas de Guimarães em bicicleta.
O desafio foi lançado a professores e alunos e, durante uma hora, a comunidade escolar realizou um percurso citadino, que terminou no Centro Histórico. A iniciativa pretende incentivar a adopção de boas práticas para o meio ambiente e para a saúde.
Veja a reportagem.  

4. Aveiro vai ligar concelho com 107 quilómetros de ciclovias
Aveiro vai reforçar o investimento em modos de transporte suaves com a construção de mais 107 quilómetros de ciclovias, que ligarão dez concelhos em torno da Ria de Aveiro.
Esta Via Ecológica Ciclável, aprovada pela Polis Litoral Ria de Aveiro, é uma infra-estrutura que pretende associar desporto, lazer e turismo na envolvente da ria. O projecto prevê ainda a adaptação dos percursos existentes a percursos mistos, a colocação de sinalização vertical e informativa, a criação de zonas de descanso e contemplação paisagística e a requalificação das envolventes da via.
A cidade de Aveiro, recorde-se, lançou recentemente um vídeo a promover a sua associação à bicicleta. Com o slogan “Aveiro escolheu a bicicleta”, o vídeo promove o projecto Lifecycle e tenta demonstrar como, em Aveiro, a bicicleta está presente em todas as etapas da vida dos seus cidadãos.
Mais info AQUI.

5. Almada: miniautocarro eléctrico e ponte ciclável conquistam prémio da Semana

Europeia da MobilidadeNo passado mês de Março o prémio da Semana Europeia da Mobilidade foi entregue pela primeira vez a uma cidade portuguesa, entre mais de duas mil cidades mundiais participantes na edição da Semana Europeia da Mobilidade 2010, das quais 66 cidades portuguesas.
A escolha do júri salientou as medidas de carácter permanente, como o serviço de mobilidade reduzida FLEXIBUS (autocarros eléctricos), a construção de um “bicilink” no Campus Universitário do Monte de Caparica e a pedonalização da Rua Cândido dos Reis, em Cacilhas.
Mais info: http://www.m-almada.pt/

6. Menos Um Carro

Menos Um Carro é um movimento a favor de uma mobilidade mais sustentável. Um convite a cada pessoa para repensar a necessidade de utilização de viatura particular na cidade, dadas as alternativas e argumentos assentes na sustentabilidade.
Mais info AQUI

7. MUBi – Associação pela Mobilidade Urbana em Bicicleta

A MUBi é uma associação de ciclistas urbanos que pretende melhorar as condições de uso da bicicleta como meio de transporte utilitário e recreativo em Portugal. A MUBi tem o objectivo de contribuir para que qualquer pessoa possa utilizar a bicicleta como veículo de forma fácil, agradável, eficiente, e segura, e que os benefícios desta opção sejam amplamente reconhecidos.
Mais info AQUI.

8. Europeus sonham com título de transporte único
Três quartos dos cidadãos da União Europeia afirmaram que utilizariam mais frequentemente os transportes públicos caso pudessem adquirir um único título de transporte válido para todos os modos de transporte.
A conclusão, que não deixa de surpreender e revela a importância da utilização de um único título de transporte no dia-a-dia, é resultado de um inquérito do Eurobarómetro, realizado em 27 Estados-membros da União Europeia.
Mais info AQUI.

9. CE quer fim carros a gasóleo e gasolina nas cidades até 2050
A Comissão Europeia (CE) propôs acabar até 2050 com os veículos convencionais a gasolina e a gasóleo nas cidades, no âmbito de um plano para tornar o sector dos transportes mais competitivo e menos poluente.
“Podemos acabar com a dependência do petróleo sem sacrificar a eficiência e comprometer a mobilidade”, assinalou o comissário europeu dos Transportes, Siim Kallas, ao apresentar uma nova estratégia da Comissão Europeia para 2050.
Mais info AQUI.

10. SolaRoad Project: ciclovia na Holanda vai gerar energia solar
A cidade de Krommenie, na Holanda, está a construir uma ciclovia que será capaz de gerar energia solar. Com 10 kms de comprimento, a ciclovia será coberta por uma camada de células solares de silício, com o objectivo de promover a utilização da bicicleta e reduzir as emissões de CO2 para a atmosfera.
O projecto – SolaRoad – gerará 50kWh por metro quadrado ao longo de um ano, valor que deve ser suficiente para abastecer a iluminação das ruas vizinhas à ciclovia, assim como dos semáforos. A energia excedente poderá ser aproveitada para uso doméstico.
Mais info AQUI.  

11. Sismo no Japão: bicicletas triplicam vendas e esgotam nas lojas
Sem metro para se deslocar, a população de Tóquio está a voltar-se para as viagens de bicicleta, segunda adiantaram vários media internacionais. O anúncio de cortes programados de energia tem levado os cidadãos de Tóquio a recorrerem a meios de transportes alternativos, como a bicicleta. A venda de bicicletas triplicou e grande parte das lojas esgotou o seu stock de bicicletas de passeio ou profissionais.
Esta não é a primeira vez que as bicicletas são utilizadas depois de períodos difíceis para as populações – e na sequência de desastres naturais. Em 2004, depois do tsunami que varreu o Oceano Índico, o World Bicycle Relief – criado pelas empresas SRAM e Trek – ofereceu 24 mil bicicletas aos cidadãos do Sri Lanka.
Dois anos depois de terem sido distribuídas, 88% das bicicletas ainda estava a ser utilizadas diariamente, tendo os lares economizado 30% do que gastariam, num ano, em transportes. As bicicletas foram ainda importantes para que as famílias afectadas pelo desastre natural regressassem à normalidade da sua vida profissional e escolar.
Mais info AQUI

12. Mobilidade para além do automóvel: ciclando

Um pequeno vídeo em que a bicicleta ultrapassa o automóvel na cidade. Versão original em inglês, com acento norte-americano. Um caso de mobilidade a ter em conta.   VIDEO

Agradecimentos
Aos associados da AVE que colaboraram nesta Newsletter, através do envio de informação e partilha de sites relacionados com o tema. Um agradecimento especial ao grupo de trabalho sobre mobilidade sustentável.
 
 
Ainda não é sócio/a da AVE? Siga o link para a FICHA DE INSCRIÇÃO online.

 
Mais informações sobre a Newsletter e as actividades da AVE:
Manuel Miranda Fernandes | Telem. 961204658
Alcino Martins Casimiro | Telem. 919680281

AVE – Associação Vimaranense para a Ecologia
Apartado 73
4801-909 Guimarães

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s